Opensource, Ubuntu

Canonical lança Storm, módulo Opensource para launchpad.net

Launchpad.net

Depois de muito tempo e muita discussão sobre o código do Launchpad.net, ponto de desenvolvimento do Ubuntu, a Canonical lança um módulo opensource chamado Storm, escrito em Python.

Este módulo, que facilita o desenvolvimento de aplicações que fazem uso de Banco de Dados em Python, é o primeira parte de código-aberto do Launchpad.net. Na notícia oficial, são citadas vantagens do uso. A licença usada é a LGPL, menos restritiva que a GPL, permitindo que ele seja usado em projetos com software não-livre.

Confesso que nunca gostei do fato do Launchpad.net ser fechado, mas acho bacana que a Canonical libere módulos e tudo mais que puder.

Mais detalhes na página do Storm.

Obs.: Apesar de não liberarem o código, permitem que qualquer projeto faça uso dele sem restrições. Além disso desenvolvem ativamente o código.

Anúncios
Padrão

2 comentários sobre “Canonical lança Storm, módulo Opensource para launchpad.net

  1. Olá Lucas. É sobre a tua resposta ao meu comentário no site de tecnologia do G1. O que eu falei é que muitos militantes, em vários fóruns que eu já visitei, tem uma péssima mania de desqualificar quem usa windows, justamente porque afirmam, em suma, que o linux abriria as portas da consciência dos pobres usuários-robô do sistema do Gates, e faria com que todos, de uma hora pra outra, passassem a se interessar em personalizar o linux. É disso que eu tenho raiva. E, ao invés de esses mesmos criticarem os que não tem “coragem” pra migrar pro pinguim, poderiam desenvolver algo simples e mais intuitivo que qualquer outra coisa já lançada. Por isso que eu comparei com o Wii, da Nintendo: é fácil de usar, e quem joga, agora, eram os que nem se interessavam por videogame, pois era complicado ou inacessível de outra forma. Quem compra uma geladeira, não se interessa em saber porque gela, e sim, quer que gele, de uma forma ou de outra! O mesmo com o computador: se desse pra fazer um sistema de voz que permitisse um comando como “Computador, eu quero uma receita de bolo de fubá”, seria perfeito. E, pensando bem, o linux é até mais acessível que o windows, sabe? Se o indivíduo aprender a mexer primeiro no linux, vai se ambientar mais facilmente nele do que no Windows. Abraços, e parabéns pelo blog.

  2. Giou,

    sempre tem os mais xiitas. Eu sou da opiniao de que voce deve usar o que quiser, desde que se sinta confortavel com seu sistema operacional. o Windows tem vantagens bem com o Linux tambem, entao cada um faz sua escolha. Mas, o Linux nao custa nada e cada vez esta se tornando mais acessivel. Ja esta valendo a pena para muita gente que eh “analfabeto” digital.

    Entao, e importante sempre estar atento, pois a licenca do Windows que custa caro influencia muito no preco da maquina e muitas vezes e inviavel e absurdo quando se tem um solucao que pode servir a custo zero. Basta adaptar e muitas vezes isso pode ser bem facil, pelo menos com o Ubuntu.

    []s e obrigado.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s