Desktop, GNU/Linux, Google, Linux, Search, SO, Tecnologia, Ubuntu

Google Desktop para Linux

Google Desktop For Linux

Depois de muito tempo esperando, finalmente o Google lançou seu Google Desktop para Linux. E não é que ele funciona muito bem?? Como estava esperando uma busca boa para Desktop no Linux, aonde o Beagle (Mono) e o Deskbar supriram mas deixaram a desejar, principalmente o Beagle que é feito em .NET e era (testei a uns meses atrás) bem lenta se comparada com a busca de Desktop do Google para Windows ou até mesmo perto do Deskbar.

Procurando um arquivo? Basta clicar duas vezes no ctrl (2 cliques rápidos) e digitar o nome (um pedaço dele basta) e pronto, o arquivo aparece na lista e é rápido, não demora pra listar nem da aquela famosa travadinha de 2 segundos.

Bom, chega de enrolação, para baixar existem duas maneiras. A primeira direto do site do Google Desktop e a segunda, melhor ainda, pelo repositório do Google para Linux. Lá, inclusive tem as instruções para o Ubuntu 7.04 e ainda tem as instruções de como se adicionar a chave. É só seguir os passos e ser feliz.

Depois de tudo pronto, é só procurar por Google desktop no Synaptic ou então ir no terminal e digitar:

sudo apt-get update
sudo apt-get install google-desktop-linux

Pronto, boa busca!

Anúncios
Padrão

19 comentários sobre “Google Desktop para Linux

  1. freakcode disse:

    Aonde o Deskbar deixa a desejar?

    Eu não entendi esse Google Desktop. Ele tem MENOS opções de busca que o Deskbar, menos opções pra configurar, e ainda é feiinho…

  2. Freakcode,
    o Google acabou de lançar seu Google Desktop para linux, mas ele ainda é um Desktop Search. No Windows ele é mais, tem gadgets e tudo mais, mas no Linux ele ainda é novo, 1.0.
    A vantagem dele sobre o Deskbar é ter tudo o que é preciso numa busca: rapidez e eficiência – tudo que o Deskbar não tem. O Deskbar tem a vantagem de abrir comandos do Linux, mas isso nada que um ALT+F2 não faça. As outras opções do Deskbar não são muito importantes ao meu ver.
    Ah, a busca do Google ainda indexa conteúdos dentro de PDF, ODT e variantes, e qualquer outra extensão text/plain (isso é fantástico pra eu que programo).

  3. Sò uma consideração: O problema do Google Desktop está para quem tem pcs mais lentos, já que ele faz cache de todo o conteúdo do disco e o processo demora muito (Aqui falou que demoraria umas 24 horas). Acabei desinstalando o mesmo (mas por falta de paciência mesmo….rsrs).

  4. Lauro César disse:

    “a busca do Google ainda indexa conteúdos dentro de PDF, ODT e variantes, e qualquer outra extensão text/plain”

    Ué, mas o beagle não faz isso? Eu pelo menos estou usando a dupla beagle/kerry beagle e estou bem satisfeito…

    Não me entenda mal, quanto mais ferramentas para Linux melhor, se o Google portou a sua ferramenta de busca, ótimo, mais uma opção, o que não acho justo é criticar uma ferramenta boa e ainda por cima livre em detrimento de uma similar e não livre.

    Mas, liberdade é isso mesmo, até na hora de criticar podemos usá-la.

    Um abraço.

  5. Samuel,

    pelo que eu vi ele demora em qualquer pc. Aqui foram mais de 6h, mas ele demora porque faz muito lento, de modo a não atrapalhar o processamento. Durante esse tempo todo de uso, sequer ele apareceu como um dos processos mais consumidores quando rodei o `top`. Então acredito que ele funcione se vc tem pelo menos uns 256 de ram. Só não sei ele vai funcionar em máquinas com pouquíssimos recursos, e ai fica complicado mesmo.

    Lauro César,

    Faz, com certeza. Eu estou ciente disso. Mas do que adianta fazer isso se ele é lento e ineficaz? Sou mais o GDS.

    Cid Andrade,

    Bugs podem estar acontecendo nessa primeira versão, assim como o Deskbar tinha alguns lags que duravam muito tempo e o Beagle travava várias vezes no meu pc, e acredite era sempre pau do beagled-help (nem sei pra que isso). De todos que eu tive a pior experiência foi com o Beagle que travava direto. Pode ser que ele foi incompatível com alguma coisa ai. Sugiro que você dê uma chance quando o Google lançar a próxima versão.

    Betão,

    que bom cara. Pra mim também foi bem fácil e tem sido bem útil. Depois vou publicar algumas dicas de utilização dele.

    []s

  6. Felippe disse:

    Só gostaria de lembrar a todos que o Google Desktop, apesar de aparentemente ser melhor(vide comentários) é um software de código fechado, ou seja primeiro acaba em parte com a garantia de segurança/privacidade do linux e segundo que vai contra a filosofia do nosso sistema Ubuntu/Linux, portanto eu pelo menos não usarei enquanto tiver uma ferramente de código aberto em desenvolvimento constante.
    Lembro também que se fossem Livres os programas do Google, nós já teríamos esses programas portados e melhorados a muito tempo…

  7. Felippe,

    Verdade. A politica do Google não é a melhor possível, mas está longe de ser sacana. Eles não mostram o código de nenhuma coisa deles que tenha a ver com busca e filesystem simplesmente porque este é o segredo deles, saber buscar e armazenar bem. Se isso fosse revelado qualquer um poderia ter uma busca tão boa quanto a do Google. Agora, uma coisa que eles deixam sempre bem claro é a política de não intromissão caso você não queira, ao contrário de outras empresas que sabemos bem.

    O Google tem algumas coisas Open como bibliotecas e API, até mesmo para desenvolver aplicações para web 2.0 com grande facilidade e tudo isso de código aberto (não sei se é GPL), então não da pra falar que o Google é mau e que tem um monte de código malicioso lá, até mesmo porque ele sempre pergunta tudo ao usuário e nunca fez um pop-up obrigatório pra ninguém. A política deles é até bacana se você for pensar.

    Quanto a sua última afirmativa não sei muito bem ao certo não. A equipe deles é extremamente competente. Num campo aonde só pessoas com grande habilidade, talvez abrir o código seria mera burrice de fazer o competidor entender o que você faz e pouco ajudaria no desenvolvimento já que 1 ou outro iria poder contribuir para isso.

  8. Luiz,

    Não cheguei a instalar o Tracker. Nunca tinha ouvido falar dele, vou testá-lo depois. Mas pelo que vi ele ainda suporta pouca coisa. O Google suporta Gmail, histório da web, e outras coisas a mais.

    Mas, achei muito bacana o projeto. Eles acertaram de fazer isso em C, e parece ser bem rápido mesmo. Depois vou dar uma olhada, pois tanto o Tracker quanto o GD prometem.

    []s

  9. Quero usar essa parada, era um das poucas ferramentas que tinha no Windows e esperava pro Linux.
    Ainda não vou instalar, vou esperar pelo menos mais uma semana pra ver se não tem muitas falhas. O Beagle come muita memória e isso pesa contra ele.

  10. Marx,

    eu também esperei um bom tempo por algo parecido no Linux que simplesmente funcionava. O Beagle eu só não podia instalar no Ubuntu e depois que ele veio no Ubuntu Edgy simplesmente comia memória e ainda travava direto. Não era solução para mim.

    O GD (Google Desktop) veio a calhar e a tempo de ter algo tão importante no Linux, que já existia no Windows e Mac.

    O interessante é que ele é extremamente eficiente, não gasta muito recurso (18,8 MB na minha máquia) e nem aparece no comando `top`, que lista os programas que estão consumindo CPU ordenado pelo que mais consome ao que menos consome. Ou seja, ele praticamente não exige processamento (só na fase de maior indexação que deve consumir, mas mesmo assim não notei nenhum processamento diferente do usual, e quando não usava algum processamento não ouvia nenhum barulho).

    Acho que ele já está bem estável para uso, apesar de ser versão 1.0. Só 1 pessoa até agora me falou que teve problemas com ele. E não vi nenhum post na blogesfera falando mal dele. Até agora está sendo muito bom e tende a melhorar nas próximas versões, deixando de ser apenas buscas. Pelo menos é o que todos esperam.

    []s

  11. zecarlos disse:

    Instalei e até gostei, só que meu Firefox começou a fechar sem motivo algum, então tive que desinstalar pra não atrapalhar o funcionamento do Firefox.

  12. Ze Carlos,

    pode ser que o Google Desktop esteja conflitando com alguma extensão do Firefox. 2 pessoas reportaram problemas aqui com o Firefox (incluindo você).

    Eu uso várias extensões, del.icio.us bookmarks, fasterFox, fireFTP, flashblock, forecasfox, googlegears, videodownloader, scribeFire e ele instalou o Google Desktop plugin for Firefox.

    Pode ser esse plugin do GD pro Firefox que está dando problemas. Você usa o 2.0 ne?

    []s

  13. Claudio,

    você chegou a testar a versão para x86 (32 bits) no 64 bits?
    Alguns programas rodam com compatibilidade, como é o caso do Flash e do Firefox.

    Ainda nao vejo muita vantagem de se rodar um sistema em 64 bits, mas o problema não é exclusivo do Linux, pois o Windows também tem uma falta enorme de codecs, programas e afins.

    []s

  14. Google Desktop é realmente muito legal. Vou testá-lo no Linux mas não pretendo trocar pelo Beagle (acho que o Beagle do Linux é superior ao Google Desktop, pelo menos na versão pra Windows que vi)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s