GNU/Linux, Linux, Tecnologia, Ubuntu

Ubuntu, o que vem por aí em 2007

Enquanto estamos todos aguardando ansiosamente pelo Ubuntu 7.04 (Feisty Fawn), que está a passos de sair do Beta, já se fala do Ubuntu 7.10, codinome Gutsy Gibbon, anunciado pelo Mark, que vai trazer algumas novidades.

Num post passado, falei sobre as Quatro características que irão vender o Feisty Fawn, assunto iniciado pela Melissa Draper, que é a facilidade de instalação de codecs, que ocorre automaticamente ao tentar executar um arquivo sem codec que o suporte; assistente de migração, que pega dados de instalações anteriores como configurações, favoritos, fotos, músicas, etc, fazendo com que você tenha eles na nova instalação, e não precisa ser do Linux não; gerenciador de rede, que praticamente configura toda rede sozinho e você precisa apenas da senha no caso do wifi; efeitos de desktop, que habilita o compiz/beriz (que vão agora são a mesma coisa) com um clique.

Além disso, podemos esperar melhor suporte a virtualização, mostrando uma grande preocupação com o lado dos servidores, além de outras coisas como o suporte do avahi a conteúdos compartilhados na rede, administração de thin client, melhor suporte a impressoras e som, entre outros.

Com o Gutsy Gibbon, podemos esperar aceleração 3d por padrão, mas que ainda não foi confirmada, e muitas novidades na área de Desktop. É promessa uma instalação totalmente diferente, ridiculamente fácil e não assistida (provalvemente configurações de usuário virão logo após a instalação), que será um dos quebra-gelos para sua adoção em massa (além da instalação OEM que já existe, mas enquanto pc`s não chegam de fábrica com o Ubuntu, esta é uma excelente alternativa).

Outra novidade na área é um Ubuntu ultra-free, o Glossy Gnu, que leva a palavra free ao extremo, só incluindo software livre. Ela será feita em parceira com a equipe do GNewSense, um derivado do Ubuntu que só não tem nada proprietário.

Bom, então até dia 19!

O dia 19 já chegou!!!

Faça um tour pelo Feisty (em inglês)

Baixe o torrent do CD

Baixe o torrent do DVD

Veja as 4 características que irão “vender” o Feisty Fawn

Anúncios
Padrão

6 comentários sobre “Ubuntu, o que vem por aí em 2007

  1. Lauro César disse:

    Offtopic:

    Você teve algum problema parecido com este: O HD fica sendo acessado freneticamente sem que nada de especial esteja sendo feito pra que isso ocorra (apenas, Openoffice c/ documentos pequenos, e GAIM e Firefox em funcionamento) isso ocorre de vez em quando com meu Ubuntu e não sei o que fazer, nessa horas fica impossível usar o computador pois ele praticamente trava. Acredito que seja algo relacionado ao OpenOffice mas não tenha certeza. Na instalação anterior do sistema cheguei a desinstalar o beagle e reinstalar o OpenOffice pra ver se resolvia, mas nesta nova versão aconteceu de novo, embora eu não tenha o beagle instalada (não era ele então).

  2. Lauro,

    isso pra mim mais está parecendo coisa de Windows, spyware, mas tudo bem.
    Primeiro, te recomendo checar os processos rodando, pode ter alguma coisa estranha. Algum processo que não fechou por algum motivo. O comando top é ótimo pra isso pois mostra os processo mais ativos e você pode ver se algo está anormal.

    No Edgy o Beagle costumava a consumir um pouco mais do que se esperava de recursos. O beagle era meio teste nele. As vezes eu “matava” o processo pois consumia muito CPU (o beagle-helper era um deles), acabei tirando e não usei tanto o Edgy (lançou depois, ai pulei logo pro Feisty).

    Se não for isso, você pode buscar alguma ajuda, mas num lugar mais apropriado, como no Forum, Lista de discussa, IRC.

    Aqui vai alguns meios pra te ajudar: http://wiki.ubuntu-br.org/ObtendoAjuda

    []s

  3. freakcode disse:

    Glossy Gnu? Esse não SERIA o codinome para o 7.10, que acabou não sendo escolhido?

    O nome da versão 100% free parece que ainda não foi escolhido, por isso as pessoas estão chamando de ‘Ubuntu ultra-free’ hehehehe

    Se bobear vai ser gNewSense mesmo, mas o Ubuntu vai abraçar o projeto.

  4. Freakcode, realmente está meio difícil de entender, mas foi isso que captei.
    Na verdade, como Glossy Gnu não foi escolhido para ser o nome do Ubuntu 7.10 (ao invés dele, foi escolhido Gutsy Gibbon), eles resolveram fazer essa versão livre em cima da filosofia do GNewSense. Parece que o nome Glossy Gnu não foi escolhido porque o Ubuntu 7.10 não é 100% free, e por isso agora ele ficará em uma outra versão que sera 100% free. Entendeu?

    []s

  5. comigo acontece o mesmo com o Lauro César…

    mas aconteceu com um arquivo apenas… o .odt estava corrompido de alguma forma, que acontecia o mesmo que o Lauro César relatou…

    pra mim resolveu o ctrlC+ctrlV e gravei um arquivo novo…

    flw

  6. Estranho Giovan, mas na computacao tudo pode acontecer ne.

    Arquivos .doc muito grandes geralmente dao mto pau, é preciso dividir em vários arquivos, separar conteúdo do imagens pra depois ter um produto final. Outra coisa que da uma problema e doc com template.

    OpenOffice tb tem seus problemas ne? Mas acredito por povo que so fala mal do OO, na verdade quer é que ele faça tudo que o Word faz e de graça.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s