Gnome, Linux, Ubuntu

Ubuntu 7.04 “Feisty Fawn” beta lançado

Feisty Fawn Beta 1

Foi lançado no dia 23 de março, o Feisty Fawn Beta 1, o primeiro beta da versão 7.04.

Depois de versão de testes, o Edgy Eft, uma versão um tanto quanto instável (não só na minha opinião), mas que trouxe diversas novidades, como o Beryl, Gaim 2 Beta, temas novos, f-spot, Tomboy, Firefox 2.0, entre outros tantos, temos uma versão extremamente estável (estou testando desde o Herd 3 sem nenhum crash!).

Entre as novidades do Feisty Fawn, temos kernel 2.6.20, multimídia simples (codecs sobre demanda, onde o sistema instala os codecs quando você tenta tocar o arquivo multimídia), network manager melhorado e novos jogos no Gnome. Atualização: O Feisty também vem com o Compiz, que é ativado através do menu “Efeitos da Área de trabalho”, dentro de Sistema > Preferências.

Então, quem puder baixe a nova versão beta e se encontrar algum erro, bug report nele (Relatando BugsBug Reporting).

Abaixo uma dica de wallpaper. Clique nele para baixar:

OraSun Wallpaper

Anúncios
Padrão

20 comentários sobre “Ubuntu 7.04 “Feisty Fawn” beta lançado

  1. Carlos disse:

    você recomendaria o uso da versão beta em minha máquina? estou comendo as unhas e esperando a versão final sair, mas do jeito que estão os elogios, parece-me valer à pena colocar logo esse beta mesmo (parece estar bem estável), o que você acha?

  2. Carlos,

    se sua máquina for um Desktop, porque não (nunca se esqueça de fazer BACKUP!), mas se é uma máquina de produção não te recomendaria não, a não ser que você tivesse disposto a se virar para consertar um eventual bug que aparecer.

    O negócio é sempre fazer BACKUP antes. Sempre!

    Se você tiver uma partição separada para instalá-lo é melhor ainda, porque você pode ter o Edgy e o Feisty, ou então Dapper e o Feisty.

    []s

  3. Pingback: edgabaldi.com » Ubuntu Feisty Fawn

  4. Eu penso porque não tentar?
    O skype funciona muito bem comigo. Alguns amigos já testaram o Tapioca e outros programas com sucesso. As únicas limitações foram do próprio programa, mas elas existem tanto para Linux, quanto no Windows ou qualquer outro sistema operacional.

    Muita coisa que dava problema no Ubuntu e em outros Linux não da mais. O som realmente foi um problema até o Breezy ou Dapper. Depois nunca mais tive problemas. O único driver que instalei no meu PC foi o da ATi, isso porque ele selecionou automaticamente para instalar no primeiro update do PC, logo após a instalação incluída, quando ele detectou que eu tinha uma placa ATi. Os outros drivers eu nem mexi.

    Então, tem muita gente que fala que Linux é difícil e que Windows é fácil. Mas é uma questão de costume na verdade. O Linux trás muitas vantagens sobre o Windows, como drivers, updates, etc, mas ainda peca em alguns programas (a culpa aqui é das empresas que não investem nele). Algumas vezes ele pode dar um problema ou outro dependendo do seu hardware, principalmente hardware barato com pouca especificação, mas o Ubuntu tem sido uma salvação para muitos usuários Windows que querem se livrar de vírus, trojans, spywares e instabilidade, e também para usuários Linux buscando facilidade e praticidade.

    []s

  5. Pingback: Coisitas do dia... « Mateus Navarro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s